“Roseana é a síntese do atraso”, diz o governador Flávio Dino
09/10/2017 - 11h55 em Novidades
"É exatamente os Sarneys, os Murads, essas poucas famílias que dominaram o nosso estado politicamente, concentraram riqueza nas mãos, que fizeram com que o Maranhão nunca tivesse progredido tanto como poderia”, disse o governador.
O governador Flávio Dino, que vem trabalhando incansavelmente para mudar os destinos do Maranhão, voltou a apontar as famílias Sarney e Murad como responsáveis pelo atraso do estado e que sempre se preocuparam em concentrar riqueza nas próprias mãos.
 
Para ele, Roseana Sarney, que foi governadora por 16 anos, é a representante maior desse atraso que impediu o progresso do estado.
 
“É a síntese do atraso. É a responsável maior por tantos problemas econômicos sociais porque ela representa um sistema de poder. Quando se fala da Roseana Sarney, nós temos que lembrar de Roseana Sarney Murad. É exatamente os Sarneys, os Murads, essas poucas famílias que dominaram o nosso estado politicamente, concentraram riqueza nas mãos, que fizeram com que o Maranhão nunca tivesse progredido tanto como poderia”, disse o governador durante entrevista à Rádio São Luís AM, na manhã desta segunda-feira (9).
 
O governador lembra que esse domínio de poucas famílias que se achavam donas de tudo fez com que o Maranhão perdesse terreno para outros estados.
 
“Outros estados passaram na nossa frente, como Ceará, Pernambuco, porque exatamente havia um modelo político errado e esse modelo é sintetizado nessas poucas famílias que simplesmente achavam que eram donos do Maranhão”, acrescentou.
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!